Depois de dois dias de abstinência é tempo de voltar ao lugar comum da necessária escrita...lembrei-me de um ditado popular ou antes, de um dizer comumente usado, "enquanto há vida, há esperança!", todos conhecem, certamente.Pensei em atualizá-lo para os dias de hoje (isto sem esquecer que "a esperança é a última a morrer"...),"enquanto há vida, há problemas"...indesmentível, certamente.

 Uma alegoria muita vezes usada para identificar um problema é a palavra "gigante" e, todos os temos em maior ou menor escala, o "nosso gigante" tambem é  tão grande quanto a proximidade que temos dele...ao longe até não parece tão gigante, de perto é enorme e se deixamos que nos ponha os pés em cima, é mesmo gigante...

 Quero levá-los a voar, comigo e a mim...a ver o gigante do alto, é espetacular... O gigante, agora anão, não me assusta assim tanto, e a sua sombra, que já não me atinge, deixou de me sufocar e de retirar minutos ao meu sono...por vezes, a melhor maneira de enfrentar o problema é deixar de estar embrulhados nele, até parece que aquilo é um presente, sei que já acabaram as eleições mas, vota "Não" ao "embrulho"...

 Sei que é uma verdade de La Palisse mas, quero lembrar-vos a vós e a mim, os gigantes existem sim mas, não existem gigantes pequenos!Portanto é tempo, de voar...

0 comentários:

Enviar um comentário

Com tecnologia do Blogger.
Loading...

Porto de Mós

Porto de Mós
A "minha" praia e a minha foto!

Sobre Mim

A minha foto
Não pretendo falar muito de mim, vou deixar que as palavras falem e, consequentemente os atos!


Para quem procura, para quem encontra, para quem cai, para quem se levanta...

Não sei o que me leva, nem o que me traz, sei simplesmente que urge, não fazer o que me apraz!

Muitas vezes sou levado pelos impetos do imediato, da satisfação momentânea do devaneio, sem atribuir às consequências qualquer peso de uma consciência obesa.

Diz-se,"ano novo,vida nova", se espero por um dia igual aos outros, para pensar em alterar uma vida desregulada, sinto que defraudo quem acredita, decide e age todos os dias... vou tentar sair da lama e mudar, vou tentar hoje, o amanhã não me pertence...

A quem bate... quem procura...

A quem bate... quem procura...
...se abre, encontra...

Followers